» PEÇA TEATRAL INCENTIVA O HÁBITO DA LEITURA PDF Imprimir E-mail
Qui, 05 de Outubro de 2006 05:53


Peça “O batalhão das letras”.

O grupo teatral da Sociedade dos Poetas e Artistas Lúdicos (Spalteatro) está realizando durante toda essa semana, dentro da II Edição da Estação Leitura, a apresentação da peça “O batalhão das letras”, com o objetivo de incentivar as crianças ao hábito da leitura. A peça baseada no livro do mesmo título do autor Mário Quintana, que recebe homenagem pelo seu centenário, está sendo apresentada nas Escolas do Futuro das oito Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBs).

Os atores Rossana de Marchi, Rodrigo Bonifácio e Wendy Palo encenam a peça que conta a estória de “Dado atrapalhado”, um menino que não gostava de ler. A trupe usa como cenário um livro gigante formado por folhas de pano onde estão todas as letras do alfabeto. Durante a encenação, os atores promovem a interação com alunos que assistem à peça chamando-os para que leiam o conteúdo de uma página-livro gigante. Com letras de papel que aos poucos são penduradas num varal em ordem alfabética, os atores estimulam os alunos a dizerem nomes de objetos e animais iniciados com aquela determinada letra.

Nessa quarta, dia 4, no período da manhã, a peça foi apresentada aos alunos de 6 anos e da 1ª série da EMEB “Antonio Stella Moruzzi”, no Jardim Tangará. À tarde, foi a vez dos alunos da EMEB “Dalila Galli”, do bairro Jockey Clube. A programação prevê para esta quinta, dia 5, a apresentação da peça na EMEB “Angelina Dagnone de Mello” e na sexta, dia 6, na EMEB “Maria Ermantina Carvalho Tarpani”, no Jardim Botafogo. No sábado, dia 7, às 9h, com entrada franca, a peça será encenada na Biblioteca Pública Municipal “Amadeu Amaral” (rua 13 de Maio, 2.000), onde, às 10 horas, a escritora Rosemeire Curilla coordena a oficina “Vivenciando poesias”, e novamente no domingo, dia 8, na Estação Cultura, onde haverá atrações durante todo o dia.

A Estação Leitura é um evento organizado num trabalho conjunto da Secretaria de Educação e Cultura, Sistema Integrado de Bibliotecas do Município de São Carlos (Sibi), Departamento de Artes e Cultura e Fundação Pró-Memória de São Carlos, contando ainda com a parceria da Biblioteca Comunitária da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e com o apoio da Universidade Aberta da Terceira Idade (UATI), da Fundação Educacional São Carlos (FESC), com o objetivo de fomentar o livro e incentivar a leitura.

Programação:
Biblioteca Comunitária da UFSCar – Na Biblioteca Comunitária (instalada no Setor Norte do campus da UFSCar), na Sala de Literatura Infantil, haverá contação de histórias em todos os sábados de outubro (dias 7, 14, 21 e 28), sempre a partir das 9h, com entrada franca a todos os interessados. E do dia 23 ao dia 28, a UFSCar promoverá a 13ª Semana do Livro e da Biblioteca, com extensa programação que será divulgada pela instituição.

Estação Cultura – No domingo, dia 8, das 9h às 18h, a Estação Cultura (antiga Estação Ferroviária) abriga uma série de atividades da “Estação Leitura”: apresentações de coral, de poemas, de três peças baseadas em textos de Mario Quintana – “Lili inventa o mundo”, “Na volta da esquina” e “O batalhão das letras” –, do Projeto Dançar, ao lado de contação de histórias, oficina de origami, feira de livros e Barganha Book.

Barganha Book – A Barganha Book vem sendo realizada há um ano na Biblioteca “Amadeu Amaral”, sempre no último domingo do mês. É uma promoção de troca de livros didáticos, paradidáticos, de literatura ou de histórias em quadrinhos. Basta levar um ou mais livros, trocando-os por outros. Neste mês, a Barganha Book será realizada três vezes. Além do dia 8, das 8h às 18h, na Estação Cultura, o público poderá trocar volumes no dia 22, das 9h às 13h, na Biblioteca Pública Municipal “Professor Alfredo Américo Hamar”, na Vila Prado (Rua Ananias Evangelista de Toledo, 501), e também no dia 29, também das 9h às 13h, na Biblioteca “Amadeu Amaral”.

(04/10/06)
 
 

SIM Online