COMEÇA RESTAURAÇÃO DA IGREJA SANTO ANTÔNIO PDF Imprimir E-mail
A primeira fase de restauração da Igreja Santo Antônio de Pádua já está em andamento e recebeu recursos de R$ 40 mil da Prefeitura de São Carlos. Esta etapa inclui a recuperação das estátuas e de todo o altar. Toda a restauração da igreja deve custar cerca de R$ 1 milhão e aguarda recursos para o projeto enviado pela administração municipal por meio da Lei Rouanet.

Ana Lúcia Cerávolo, diretora-presidente da Fundação Pró-Memória de São Carlos, explica que o trabalho nessa fase inclui a remoção do piso de granito escuro por um piso mais claro e semelhante ao original. As imagens em madeira policromadas de Santo Antonio de Pádua, da Virgem Imaculada e de São José foram encaminhadas para um restaurador na capital paulista. Elas apresentavam rachaduras e algumas perdas na camada de pintura externa. As peças devem voltar à igreja no início de maio.

Os croquis da igreja – produzidos pelo artista austríaco Karl Hartwig Unterberger, responsável pela pintura da Paróquia Santo Antônio de Pádua entre 1961 e 1963 – foram higienizados e acondicionados adequadamente.

O retorno das imagens vai ser comemorado com uma exposição de painéis elaborada com apoio da população local. Eles vão contar a história da paróquia e da construção da igreja, que tornou-se o primeiro patrimônio histórico-cultural do município por meio do seu tombamento, aprovado pelo Conselho Municipal de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico e Ambiental de São Carlos (COMDEPHAA/SC), cujo anúncio foi feito em junho de 2009 pelo prefeito Oswaldo Barba.

No ano passado, uma moradora da Vila Prado encontrou dois esboços do artista austríaco Karl Hartwig Unterberger. Um dos desenhos traz a imagem de Cristo aplicada ao forro da nave principal e foi produzido a lápis. O outro esboço mostra o planejamento de todo o forro da igreja. As pinturas originais foram cobertas depois de a igreja apresentar alguns problemas estruturais.

Criada em 1943, a Paróquia de Santo Antônio de Pádua foi construída para atender a uma região formada principalmente por operários e ferroviários. Antes desta data as missas e orações aconteciam em um salão localizado no cruzamento da Rua Larga com a Travessa Quatro, onde atualmente funciona a creche Aracy Pereira Lopes.

(04/03/2010)

 

Menu Notícias