BIBLIOTECA AMADEU AMARAL VAI FUNCIONAR EM NOVO ENDEREÇO PDF Imprimir E-mail

altA Biblioteca Municipal Amadeu Amaral vai funcionar em novo endereço, na rua São Joaquim, nº 735, no centro, na Praça Pedro de Toledo (antiga piscina municipal). O local passa por reforma e adequações e a previsão é de que até o dia 11 de maio já esteja tudo pronto para a abertura.

 

A mudança está sendo realizada já que a sede da Secretaria de Educação será transferida do Palacete Bento Carlos de Arruda Botelho para o prédio da rua Treze de Maio, esquina com avenida São Carlos, onde funciona até então a Biblioteca. “Com a mudança vamos revitalizar a biblioteca, priorizando a acessibilidade e o bem estar de seus frequentadores em um ambiente mais aconchegante”, explica Priscilla Marlletta, bibliotecária responsável.

 

“Não podemos gastar mais de R$ 20 mil por mês somente com a sede administrativa da Secretaria, situação incompatível com as dificuldades que a Prefeitura enfrenta. Com essa medida vamos economizar mais de R$ 1 milhão em quatro anos”, explicou o secretário de Educação, Nino Mengatti.

 

 A unidade faz parte do Sistema Integrado de Bibliotecas do Município (SIBI) que engloba 11 unidades, sendo 3 unidades independentes: Amadeu Amaral (Centro), Euclides da Cunha (Vila Prado) e Armazém Cultura (Água Vermelha). Outras 8 unidades funcionam junto as Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBs) que atendem estudantes e também são abertas a comunidade. Estas unidades são chamadas de “Escola do Futuro” e possuem um acervo específico para o público infantil e juvenil.

 

A Biblioteca Amadeu Amaral possui acervo diversificado, entre livros didáticos e de literatura para todas as idades, além de quadrinhos, revistas e outros periódicos.  Também está a disposição nesta unidade o acervo “Sala Verde”, com publicações exclusivas sobre meio ambiente, projeto realizado em parceria com o Ministério do Meio Ambiente, além do “Acervo São Carlos” que contém livros exclusivos sobre a cidade de São Carlos e ainda livros dos autores são-carlenses.

 

A Biblioteca Amadeu Amaral iniciou sua história em 1939 em uma sala improvisada junto a Divisão de Protocolo da Prefeitura, sendo transferida para outros espaços até chegar ao antigo prédio da Casa da Cultura em 1991, onde permaneceu por mais tempo.

 

O nome Amadeu Amaral é uma homenagem ao “apaixonado de São Carlos” assim chamado por seus amigos; escritor, jornalista e poeta. Foi também redator do Correio de São Carlos, publicou algumas caricaturas como a da Guerra Junqueira e a de Olavo Bilac, além de ter sido nomeado membro da Academia Brasileira de Letras. Alguns de seus livros podem ser encontrados na própria biblioteca.

 

Em todas as unidades do município os livros podem ser emprestados mediante cadastro feito na hora. Para tanto, basta levar um comprovante recente de residência (conta de água, luz ou telefone) e um documento pessoal. Menores de 14 anos precisam estar acompanhados de seus pais. Cada pessoa pode emprestar 2 livros por até 15 dias podendo ser renovados. Caso haja atraso o cadastro fica suspenso. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira das 8h às 18h.

 

O departamento de aquisições do SIBI também aceita doações de materiais para leitura em geral. O material é selecionado de acordo com as unidades e se caso não puder ser aproveitado por nenhuma delas é enviado para o acervo da Barganha Literária, feira de troca de livro que reiniciará as atividades no fim deste mês.

 

(03/05/2017)

 

Menu Notícias